14/05/2020

COMPROMISSO PESSOAL

E sua importância na prática sustentável

A live com o Celso Rayol foi muito especial. O celso, sócio da Citè Arquitetura, foi meu orientador de projeto final na PUC-Rio. 

Lembro que no ano do TCC mudei meu tema de projeto final de moradia popular para a reciclagem do carnaval.

Dois anos antes eu havia começado a trabalhar com descartáveis e, após acompanhar um pouco da montagem da Beija-Flor, senti que o carnaval apresentava um mundo de possibilidades envolvendo o reaproveitamento e reciclagem. Estava definido para mim meu novo tema de projeto final. Só faltava que algum orientador final aceitasse. 2016/2017, apesar de já se falar bastante em consumo consciente, não via a força que percebo nos dias de hoje. Só que o Celso acreditou em mim desde o início. Enquanto muitas pessoas questionavam aquele suposto tema, ele via como o “nascer de uma nova demanda”. 

Afinal, acho que ele viu em mim um pouco dele. O celso ama ressignificar os objetos. E, como ele mesmo me disse: “a nossa essência nos acompanha ao longo da vida e reflete nos nossos projetos e na busca que temos em criar.”

Ele nos contou como tudo começou ainda menino, usando resíduos na casa que morava com a família para construir a árvore de natal. Não queria a árvore tradicional. Buscava uma árvore cheia de significados. Assim ele fez também no ano novo de 2019/20. Ao ver folhas e gravetos que seriam jogados fora, utilizou-os para criar arranjos lindíssimos de mesa:



Essa preocupação do Celso com a sustentabilidade fez com que levasse o segundo lugar em concurso que participou:
Prêmio Saint-Gobain de Arquitetura – Habitat Sustentável.


















De toda a troca que tivemos envolvendo o bem-estar no morar e a sustentabilidade como método para desenvolver o processo criativo e ecodesign, o que fica de aprendizado é a importância de buscarmos esses valores na nossa essência.

A ação pessoal motiva tudo. Esse comprometimento que temos com as ações desde novos leva ao engajamento da nossa vida profissional. 

Quanto mais didática for a nossa comunicação, mais fácil é levarmos conhecimento e ensino às pessoas que ainda não se sentem familiarizadas com o assunto. Nisso, o Celso também é campeão. Seus quadrinhos sobre arquitetura e a influência do Covid-19 têm feito um super sucesso:


Para acompanhar mais desses, só ler no seu instagram pessoal: @celsorayol.

Celso, foi um prazer essa troca com você. Me fez viajar no tempo e lembrar dos nossos longos debates sobre design e mundo nos tempos de faculdade.

Com amor, 

Isa



Por Isabela Rozental